quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Pedrinho Pegação ganha destaque na imprensa nacional

PEDRINHO PEGAÇÃO - MATÉRIA IMPRENSA NACIONAL

O cantor Pedrinho Pegação está com tudo. Natural de Jucurutu, no Rio Grande do Norte, Pedro Estevam, de 25 anos, tem sido destaque em sites e programas de TV a nível nacional.

Programas como ‘Vídeo Show’, da Globo e ‘Balanço Geral’, da Record, já falaram do sucesso que o artista vem fazendo em vários estados do Brasil. No último dia 19 de fevereiro, o site Extra mencionou Pedrinho como o sucessor do cantor Wesley Safadão. Confira a matéria abaixo:

Sucessor de Safadão, Pedrinho Pegação movimenta R$ 1 milhão em shows e se diz vaidoso como o ídolo: ‘Sempre cheiroso’

Já existe um sucessor para Wesley Safadão. E ele atende pelo nome de Pedrinho Pegação. O cantor de 25 anos, natural de Jucurutu, no Rio Grande do Norte, já está na estrada há seis anos e foi abrindo os shows de Safadão que também se tornou conhecido no circuito de forró nordestino. Hoje, Pedro Estevam da Fonseca Neto é sócio de seu mentor e trilha os mesmos caminhos que fizeram Wesley estourar no país inteiro. “Ele é uma inspiração, um parceiro e amigo que me dá muitos conselhos e dicas”, elogia ele, que já acumula na agenda cerca de 20 shows por mês. Em média, o garotão cobra R$ 50 mil por show. “Quando é bilheteria, isso pode dobrar ou mais”, conta, orgulhoso. Faça as contas: no barato, Pedrinho Pegação e sua banda movimentam R$ 1 milhão por mês: “Não posso reclamar. A vida está boa, mas eu quero mais”.

PEDRINHO PEGAÇÃO - MATÉRIA IMPRENSA NACIONAL 3

O moço quer tocar no Planeta Atlântida, festival que acontece no Sul do país, e cantar ao lado de Roberto Carlos, um ídolo da infância. “Cresci ouvindo forró e sertanejo, mas também tinha minha pegada romântica com o Rei e Fábio Jr”, enumera ele, que antes de se tornar cantor trabalhava na loja de materiais de construção de um tio.

Romântico, Pedrinho jura que a pegação (que nasceu na banda Forró da Pegação da qual foi vocalista) é só uma boa alcunha artística. O moço namora há três anos a bailarina Laryssa Soares e, assim como Safadão, é vaidoso. Inclusive com os cabelos: “Gosto de estar sempre arrumado, com os cabelos penteados e principalmente cheiroso”.

As fãs, ele conta, às vezes são mais ousadas. Mas garante que não ultrapassa o lado profissional: “Já fui muito da pegação. Mas hoje sou quietinho. As fãs são atiradas muitas vezes, mas não são de atirar no palco lingerie, não. Acho que está caro. Acabo ganhando cartazes, ursinhos de pelúcia”.

PEDRINHO PEGAÇÃO - MATÉRIA IMPRENSA NACIONAL 2

- Portal Mais Forró

0 comentários:

Postar um comentário